Observatório trata do direito à alimentação e nutrição



 
Ano após ano, milhões de pessoas sofrem de violações de seu direito à alimentação, o que não é fruto apenas de falta de responsabilidade, mas também da perda de controle do povo sobre a sua alimentação e nutrição.

Um grupo de ONGs internacionais lançou o Observatório do Direito à Alimentação e  Nutrição: “quem decide sobre a alimentação e nutrição em nível mundial – estratégias para recuperar o controle”, disponível na Internet.  
De acordo com os organizadores, “é inaceitável que comunidades tradicionais (como camponeses, pescadores e povos indígenas), que por séculos dedicaram suas vidas a trabalhar a terra, cuidando de gado e pesca em mares e rios, a fim de alimentar-se e suas famílias, estejam agora expulsos ou proibidos de buscar não apenas seu sustento, mas os meios básicos para sua sobrevivência”.

O Observatório monitora as políticas relacionadas à segurança alimentar e nutricional em níveis nacionais, regionais e globais, a partir da perspectiva do direito humano à alimentação, com o objetivo de identificar e documentar possíveis violações e situações que levem à violação.

Fonte: Ascom/Consea - www.rtfn-watch.org